Sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015.

Aprenda sobre as partículas fundamentais que formam a matéria.

Uma das maneiras de tentar compreender a enorme diversidade do Universo é considerar todas as coisas existentes como construídas por umas poucas partículas fundamentais. Combinando de diversas maneiras esses poucos elementos se construiría a grande diversidade do Cosmos. Esta é uma ideia que, como muitas outras, nos foi legada pelos Gregos da antiguidade.

Entende-se os termos "partículas fundamentais" como partículas que não têm estrutura interna, isto é, não são construídas pela combinação de outras partículas. Elas portanto não podem ser divididas em partes menores. Demócrito, um pensador grego que viveu entre 460 a 370 AC, as chamou de átomos.

A ideia dos átomos ou partículas fundamentais renasce durante a Revolução Científica ocorrida na Europa a partir do século XVII, no trabalho do físico inglês J. Dalton. É interessante notar que a existência dos átomos foi definitivamente estabelecida somente no início do século XX, com o trabalho de Einstein. A vida dos átomos como partículas fundamentais, no entanto, não foi longa pois rapidamente se verificou que eles tinham uma estrutura interna e que, portanto, não eram as tais partículas fundamentais da matéria.

As teorias atuais mostram que os elétrons são realmente partículas fundamentais. Por outro lado, os núcleos atômicos são formados por dois tipos de partículas: Os prótons e os nêutrons. Como não poderia deixar de ser, cabe mais uma vez a pergunta: Eles têm estrutura interna?

Na verdade, eles têm estrutura interna. São constituídos pela união de três outras partículas....os quarks.

Atualmente, para estudar as partículas fundamentais e entender como a matéria é construída usamos uma teoria chamada Modelo Padrão das Partículas Elementares.

Nesta teoria, umas das mais bem sucedidas da Física, existem muitas outras partículas além dos elétrons, prótons e nêutrons. Elas são tantas que formam um verdadeiro zoológico de partículas.

Convidamos você para uma visita a esse novo mundo regido pela Mecânica Quântica. Par isto indicamos a tradução portuguesa do site The particle Adventure. O site é uma iniciativa da Universidade de Berkeley e a adaptação para o português é o resultado da parceria CNPQ/FAPERJ.

Visite o site A aventura das Partículas. Siga as dicas de navegação abaixo.






Imagens: The Particle Adventure.


Produção: Partícula Data Group e Lawrence Berkeley National Laboratory

Produção (versão em Português): PRONEX -  Programa de apoio a núcleos de excelência (Parceria CNPq / FAPERJ).

Arquivo das postagens


19 de fevereiro - O Gerador...


10 de março - A corrida para...


15 de março - A corrida para...


02 de abril - A gravitação no...


21 de abril - Mapas de todos...


01 de maio - Físicos do Brasil...


10 de maio - Físicos do Brasil ...


28 de maio - O conceito de ...


16 de junho - Princípio de fun...


28 de junho - Devagar com o...


12 de julho - Muito além da...


26 de julho - Meteorologia:...


15 de agosto - Afinal, o que é...


29 de agosto - Le grand K...


13 de setembro - As ondas est...


05 de outubro - O espectro...


01 de novembro - O trabalho humano...


22 de dezembro - A matéria escura...


Postagens de 2016


Postagens de 2017


Postagens de 2018